Lista dos Principais Movimentos Classicistas

postado em: Em resumo | 0

submarino.com.br

A arquitetura clássica embasou diversos movimentos ao longo da história. Agora, conheceremos os principais, listados cronologicamente.

Mas primeiro vamos compreender a diferença entre Antiguidade Clássica e Classicismo.

Normalmente, quando falamos de Antiguidade Clássica, nos referimos ao período que cobre do início da construção do templo grego em pedra, século VII a.C., até a queda do Império Romano do Ocidente no século V a.C.

A arquitetura clássica refere-se, em sua essência, ao uso das ordens e todo o vocabulário arquitetônico em torno delas. Uma série de regras que as definem e consequentemente ao edifício. As ordens surgiram na Grécia Antiga, ainda no Período Arcaico (séc. VII a.C.), foram aprimoradas e atingiram um grau ideal de proporção e beleza durante o Período Clássico (séc. V a.C.). Mais tarde, durante o Império Romano, outras ordens se estabelecem e se moldaram a uma nova forma construtiva que passou a incluir o arco e seus desdobramentos em abóbadas e cúpulas, caracterizando a arquitetura Romana.

Templo de Venus Genetrix e Igreja de Sto. Luca e Sta. Martina, no Fórum Romano.

Linha do Tempo Grécia Antiga

Linha do Tempo

Já quando falamos de Classicismo, nos referimos a movimentos posteriores que se inspiram na arte da Antiguidade Clássica, para novas interpretações.

  • Renascimento ou Renascença: Movimento artístico, cultural, econômico e político que se iniciou no século XV, na Itália, gerado pelas profundas modificações da sociedade, resultando na reformulação completa da vida medieval e dando início à Idade Moderna. Foi inspirado nos valores da antiguidade clássica greco-romana. O homem voltou a ser o centro de todas as atenções e representações artísticas. Para saber mais veja: Introdução ao Renascimento.

  • Seleção de Livros! Clique e confira.Barroco: Movimento iniciado no século XVII na Itália, com auge entre 1630 e 1680, espalhando-se para outros países católicos, onde teve fervorosa acolhida graças ao espírito militante do catolicismo contra-reformista. Procurava provocar respostas emocionais no espectador envolvendo-o no tema. Atingiu extremos de grande teatralidade, mas alcançou uma unidade em todas as artes mediante nova concepção de espaço e movimentação da forma.
  • Rococó: Última fase do período Barroco, desenvolvida no século XVIII. Caracteriza-se pela composição ainda mais acentuadamente sinuosa inspirada na natureza e com introdução do tema concha na decoração. Para saber mais veja: Introdução ao Barroco e Rococó
  • Neoclassicismo: Foi uma corrente cultural que surgiu em meados do século XVIII, resgatando a essência do classicismo esquecida em meio aos excessos do Barroco. Fundamentou-se no interesse arqueológico da sociedade da época e suas recentes descobertas, fazendo ressurgir o universo da arquitetura clássica greco-romana. Para Saber mais veja: Introdução ao Neoclassicismo.


Não perca mais nenhum post!

*Seu e-mail está seguro. Não enviamos span, nem divulgamos nosso mailing de assinantes.